5
jun
2017

Decor: Apartamentos pequenos

Hoje é dia de post especial pra inspirar a decoração da casinha nova. O tema escolhido pelo Arquitetura Assim – escritório colunista aqui no blog – foi super atual e interessante: projetos para apartamentos pequenos. Como transformar pequenos espaços em um lugar dos sonhos.

“Oba! Vou aproveitar cada cantinho! É isso que pensamos quando temos o desafio de reformar ou ambientar apartamentos com área mais reduzida. Seja pela praticidade da vida moderna ou os altos custos do m² de área construída, hoje em dia eles estão cada vez menores!

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Mas como otimizar cada ambiente? Como fazer meu apartamento parecer maior? Quais materiais devo usar? Pois é, as dúvidas se repetem assim como o desejo de transformar aquele pequeno espaço num lugar aconchegante e cheio de personalidade. Difícil? Que nada, é só seguir alguns passos!

Foto: reprodução

Foto: reprodução

Foto: reprodução

Foto: reprodução

Quando pensamos em plantas compactas e sua otimização, a primeira e mais importante questão é o planejamento. Avaliar quais as necessidades de uso de cada espaço e sempre que possível tentar tornar os ambientes flexíveis, permitindo múltiplos usos. Cada item deve ser escolhido com precisão e racionalidade para permitir essa versatilidade.

Com a ideia bem definida do que você sonha no seu apartamento, o próximo passo é verificar como integrar alguns espaços. Às vezes as paredes só “atrapalham”, a retirada de algumas delas ajudam a “criar” espaço nos ambientes que tem maior permanência. Cada centímetro vale ouro! Lembrando que você precisa da consultoria de um profissional da área! Não vá sair derrubando parede por aí! Um ambiente integrado gera amplitude visual e conforto. Se não dá para abrir completamente os espaços ainda dá para utilizar portas de vãos maiores ou divisórias removíveis. Da para derrubar a parede e utilizar o próprio armário como divisória de ambientes? Claro! Falando em armário: vamos utilizar portas de correr? Por favor! Economiza o espaço do giro da porta e diminui a área necessária para acesso do seu interior. Aproveita e não esquece o espelho na porta. Espelhos. Espelhos. Espelhos. Todo mundo que pesquisa sobre ambientes pequeninos já sabe que tem que abusar deles. As superfícies dos acabamentos em geral devem ser claras, refletivas, para lembrar sempre que a intenção é amplitude.

Foto: reprodução

Foto: reprodução

Em relações a cor especificamente, devemos sempre que possível seguir uma unidade cromática, com referência de cores na mesma graduação, trabalhando tons próximos e complementares. Este artifício contribui para criar uma unidade do espaço tornando-o mais confortável ao olhar. Um ambiente equilibrado.

Um item bem importante e as vezes pouco valorizado é a iluminação. Optar por iluminação embutidas nas paredes ou arandelas, libera os espaços das bancadas para colocar itens de trabalho. Os trilhos com spots nos tetos também permitem que tenhamos flexibilidade para focar o objeto que queremos valorizar e permite que o layout fique mais dinâmico.

Por último ainda dá para dar uma economizada em alguns centímetros utilizando moveis que podem ter mais de um uso, como um centro que vire banquinho quando chegar um casal amigo ou um baú que também seja um puff.

Esperamos que estas dicas ajudem a transformar seu apê no lugar que você sempre sonhou!”

Esse projeto de um Studio com 30m2 criado pelo escritório é a prova de tudo isso:

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Projeto: Arquitetura Assim

Acompanhem as meninas do Arquitetura Assim no facebook e instagram (@arquiteturassim) e contem pra gente o que vocês querem ver por aqui!

Beijos,

Beca.

Deixe seu comentário!

Deixe seu comentário