16
ago
2017

Diário de noiva: ajustando o orçamento!

As pessoas costumam dizer que pra mim é mais “fácil” organizar um casamento por ter o blog e viver por dentro do assunto há um tempo. Acontece que MUITA coisa eu só aprendi (e venho aprendendo) depois que fiquei noiva, quando comecei a viver de fato esse universo. E uma das coisas que mais me assustou muito foi o quanto pode custar, de fato, uma festa de casamento!

Vamos lá, eu tinha um pouquinho de noção, mas nunca tinha colocado tudo na ponta do lápis, sabem? Tim-tim por tim-tim. E foi quando fizemos isso que senti na pele que sonhar é de graça, mas colocar tudo aquilo que salvamos nas pastinhas de inspirações na prática pode custar muito caro. 

Eu brinco que tive uma depressão-pós-orçamentos, hahaha. Bate desespero, você pensa em desistir, afinal: são pouquíssimas horas pra curtir. Não seria melhor viajar pras Maldivas ou Taiti?

Claro, cada um sabe de si. Mas sabem o que conclui? Eu só quero casar uma vez na vida! E eu sonhei tanto com isso. Nenhuma viagem, a qualquer lugar do mundo, ou qualquer outra forma de “investimento” valeria tanto quanto reunir as pessoas que eu mais amo pra celebrar o amor comigo!

Então vamos celebrar do nosso jeito e principalmente, dentro da nossa condição. A ordem foi estabelecer prioridades e adequar o sonho ao que realmente importa: a realidade. Vamos ter sim um final feliz, mas com os dois pés no chão.

E por ai? Houve algum susto após os orçamentos? Depois, conversando com alguns amigos que estão vivendo essa fase eu percebi que isso é muito mais normal que eu imaginava. Então calma, você não está sozinha. Bate aqui! 

Beijos,

Beca.

Deixe seu comentário!

1 Resposta

  1. Maiara

    Hahahaha
    É assim mesmo! Gastamos quase o dobro do planejado, mas não me arrependo! Foi lindo…fica na memória e vale super!

Deixe seu comentário