30
set
2014

Trash the dress: destruindo o vestido com amor

O

vestido de noiva é o sonho de quase todas as mulheres. Lá no fundo, no nosso inconsciente, existe aquela síndrome de Cinderela que nos faz sonhar com um vestido de princesa e sapatinhos de cristal. hahaha Mas já imaginou detonar seu vestido após o casamento? :O Pois é, esta é uma moda que pegou de vez aqui no Brasil e tem ganhado vários adeptos. É o Trash The Dress, uma sessão de fotos onde os noivos, nos trajes do casório, podem ficar mais descontraídos e abusar das caras e bocas em locações nada convencionais. Pra falar sobre o assunto convidamos nosso parceiro Carlos Júnior, da CJ Photographic.

3 - _CJR3066

CJ, como é chamado pelos colegas, trabalha profissionalmente desde 2012 e já virou especialista quando o  assunto é trash the dress. O termo, que traduzido do inglês significa “destruir o vestido” ou “jogar o vestido no lixo”, nasceu no EUA e desde 2009 chegou com força ao Brasil. “Cada vez mais as noivas começam a ter a consciência de que é bem mais prático e duradouro ter fotos do casamento e do vestido do que guardá-lo no armário por anos e anos, acumulando poeira, mofo e se deteriorando com o tempo”, argumenta Carlos. A partir daí que as noivinhas têm “desapegado” do tão sonhado vestido de noiva para investir em ensaios descontraídos e belíssimos. As fotos podem ser feitas logo após a festa de casamento, para os casais mais resistentes, ou até mesmo depois da lua de mel.

1 - Sem Titulo-2

Se você gostou da ideia mas não abre mão de ter seu vestidinho intacto após o grande dia, não se preocupa: há solução! :D Algumas noivas optam por comprar um vestido similar só para a sessão de fotos em sites internacionais como Ebay e Aliexpress (inclusive há noivas corajosas que compram o vestido de verdade nesses sites, em breve post sobre isso!). Em sites desse tipo você encontra vestidos lindos, bem feitos e por um preço muuito abaixo da média brasileira. Só tem que comprar com bastante antecedência (no mínimo três meses antes).

“Rolar na areia, entrar na água, usar tintas e pincéis, entrar na lama, declarar-se em meio ao trânsito…são apenas algumas das possibilidades para um ensaio deste tipo”, explica CJ.

E ai? Se empolgou com a ideia? Então se inspirem com essas lindas fotos feitas por CJ e qualquer dúvida deixem nos comentários. Vou deixar também os contatos dele no final do post, ok?

4 - _CJR3096

2 - _CJR2963

2 - Sem Titulo-3

1 - _CJR2944

 

CJ PHOTOGRAPHIC

Email: canascimentojunior@gmail.com

Fanpage: https://www.facebook.com/pages/CJ-PHOTOGRAPHIC/537598076354215?ref=hl

 

Beijos,

Manu.

Deixe seu comentário!

Você também pode gostar de algum desses

Inspiração para madrinhas: Camila Coutinho
Coleção Primavera-verão Pronovias
{COBERTURA} Quem casa, quer casa! – Edição 1
Daminhas e pajens: a dose de fofura do casamento

Deixe seu comentário